Mãe de sargento da PM é espancada, estuprada e morta por bandido durante caminhada



Segundo informações do site Repórter MT, Salvina Vidal, de 74 anos, foi agredida e morta por um bandido que a arrastou um terreno baldio no bairro Parque das Araras, em Lucas do Rio Verde (334 km de Cuiabá), no domingo (08) de março – Dia da Mulher.

A vítima é mãe do sargento Vidal, da Polícia Militar, conhecido em Cuiabá por sua luta em defesa de animais em situação de abandono.

Em seu perfil no Facebook, o sargento disse que sua mãe só queria fazer uma caminhada, como era de costume todos os dias. (publicação no final da reportagem).

De acordo com o início das investigações, o agressor se aproximou da idosa em uma bicicleta e a arrastou para o terreno vazio.

O local do assassinato foi analisado pela Perícia Oficial e Identificação Técnica – lá foi encontrado sinais de luta corporal e também indícios de violência sexual no corpo da idosa.

Ela ainda teria sido morta pelo agressor por asfixia mecânica – esganada.

Até a manhã desta segunda-feira (09) nenhum suspeito de ter cometido o crime bárbaro foi localizado. 

O caso é investigado pela Polícia Civil da cidade.


Fonte:
Repórter MT

Postar um comentário

0 Comentários