Mãe de criança morta por trans Suzy desabafa: ‘Nunca ninguém veio aqui me dar um abraço’



Foto: Reprodução/Rede Tv! - Tv Globo

Nesta segunda-feira, 9 de março, o programa Alerta Nacional, da RedeTV!, foi atrás da família do menino morto por Suzy. A presa trans ficou nacionalmente famosa, após o programa Fantástico, da TV Globo, mostrar como ela vive na cadeia. 

Sem contar o crime da presa, Drauzio Varella, que conduzia a reportagem, perguntou quanto tempo Suzy estava sem receber visitas. Ela disse que há quase 8 anos e recebeu um caloroso abraço do “médico-repórter”.


No entanto, o crime de Suzy somente foi descoberto dias depois. O programa comandado por Sikêra Júnior decidiu ir atrás da família que perdeu um ente querido nas mãos da trans mostrada pelo Fantástico. A mãe de Fábio, Aparecida dos Santos, contou que há 10 anos não pode dar um abraço no filho.


O garotinho, tinha 9 anos de idade, quando foi abusado sexualmente e morto por Suzy. Ela ainda teria escondido o corpo da criança. Aparecida lembrou que, durante esse período, nunca ninguém foi atrás dela, ninguém lhe mandou cartas, ou enviou bombons. O caso da presa trans teve tanta repercussão que chegou-se a fazer até mesmo uma vaquinha para ajudar a entrevistada.


Veja abaixo o vídeo da mãe da criança morta por Susy, quando ela diz que nunca ninguém foi até lá dar um abraço nela:


Fonte:
1 News

Postar um comentário

11 Comentários

  1. Todos os defensores deste traste deveriam leva-lo pra casa deles e criar seus filhos e netos juntos..GLOBOLIXO...querendo fazer do pais um lixão

    ResponderExcluir
  2. Parabéns RedeTV. Parabéns sikera.

    ResponderExcluir
  3. População brasileira, nós não vamos esperar a Globo falir não, vamos fechar essa emissora e expulsa esse estorvo de rede diabólica.

    ResponderExcluir
  4. O que a Globo fez foi crueldade, muita vil

    ResponderExcluir
  5. Pouca vergonha essa globo lixo. Emissora que defende o errado com unhas e dentes.

    ResponderExcluir
  6. Sikeira vc é o melhor...
    parabéns pelo seu jornalismo de verdade mermão

    ResponderExcluir
  7. Este filho da puta deveria estar agradecendo a Deus pelo fato de ainda estar vivo. Deveria ter se mostrado arrependido. Deveria estar pedindo perdão à mãe dessa criança que esse filho da puta matou porem, não... Está reclamando do isolamento, e da solidão. Filho de uma grandessíssima puta. Desgraçado.... Você vai conhecer a verdadeira solidão no inferno.
    A vida não ensinou porra nenhuma à esse desgraçado. E tão desgraçado, que nem mesmo da conta daquilo que o espera.
    Soltem ela, para que a população possa fazer justiça com as próprias mãos.

    ResponderExcluir
  8. Dr. Drauzio, ao abraçar um assassinO (que também é uma aberração e agressão a Deus), mais uma vez, se mostrou o quando é Fantástico e Globalino, ao seguir rigorosamente o Script determinado pelos seus senhores: Marinho, Boni & Cia Falida Moralmente...
    Ultimamente, cada vez que esse doutorzinho aparece na tela da Globo, é de arrepiar, e a classe médica, só pagando 'mico'... que pena ‘que tratem assim um criminosO, omitindo os crimes por elE praticados...
    Perdoar um assassino, é realmente uma determinação divina, porém, deificá-lo eternamente como vítima, NÃO!
    https://scontent-lga3-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/89722045_3504678272890246_2820055829833580544_n.jpg?_nc_cat=100&_nc_sid=8024bb&_nc_ohc=2IWWbToXVmEAX9Thz6g&_nc_ht=scontent-lga3-1.xx&oh=e99fe3dc7287ae7e8dd4f32c7a2362cd&oe=5E963604

    ResponderExcluir
  9. Houve dois assassinatos bárbaros neste caso, o primeiro o individuo cometendo estrupo e homicídio, o segundo foi a globo dar um tiro a queima roupa na mãe desolada ao mostrar que o assassino de seu filho é mais importante que sua dor de perda, por mais que alguém apareça para dar um abraço de consolo e os dez anos que se passaram como fica? Ao ver essa mãe ter que fazer "autopsia" de suas memorias de seu filho, isso foi de uma monstruosidade sem tamanho.

    ResponderExcluir
  10. assim como ele fez com a criança tem que fazer o mesmo com esse vagabundo

    ResponderExcluir