Bebê de 1 ano morre após avó lhe dar pesticida em vez de xarope para tosse


Foto: Divulgação/Mirror

Quando se trata de crianças pequenas, todo cuidado é pouco na hora de dar algum tipo de medicamento, por mais simples que seja. A ingestão errada de produtos pode acabar causando problemas à saúde da criança  e até mesmo sua morte, como aconteceu no caso que você verá adiante.

Tudo aconteceu quando a criança, que tinha pouco mais de um ano de vida, ficou gripada. Foi então que lhe foi receitado um xarope, produto que geralmente é usado sem problemas em bebês dessa idade. Mas um erro da avó da menina, que não teve o nome divulgado, acabou causando sua morte.

Na hora de dar o xarope para o bebê, a mulher se confundiu e em vez do remédio, deu pesticida. Como os frascos eram semelhantes e a avó estava gripada e não pôde sentir a diferença, ela pensou que se tratava do remédio para tosse.

Pouco tempo depois, a menina começou a se sentir mal. Após perceberem o que havia acontecido, os pais da criança rapidamente a levaram para o hospital. No local, a pequena ficou três dias internada sob cuidados médicos, mas infelizmente não conseguiu resistir, já que seu quadro era irreversível.

O avô da criança deu entrevista e sobre a trágica morte da neta: “A menina estava com a mãe e a avó quando começou a sofrer uma crise de tosse, a avó foi lhe dar um remédio e o que realmente estava dentro da embalagem era Lorsban“.

Lorsban é um tipo de pesticida muito forte utilizado em plantações. Devido a sua composição química, o uso deve ser bastante cuidado por fazer mal à saúde dos seres humanos se utilizado de forma incorreta, como foi o caso da menina que faleceu.


Fonte:
1News

Postar um comentário

0 Comentários