Até Datena fica chocado ao ouvir o que namorada fez com família carbonizada; é muito forte


Foto: Divulgação/UOL

O apresentador José Luiz Datena tem se mostrado chocado com os detalhes que envolvem o crime da família carbonizada no ABC. A filha do casal, Ana Flávia, foi presa acusada de participar do crime. Ela e a namorada, Carina Ramos, estão presas. Além delas, outras três pessoas acabaram sendo presas acusadas de cometerem o assassinato do casal e do filho de 16 anos. 

Datena ficou perplexo sobre como Carina teria agido para tentar despistar a polícia. Ela teria usado um uniforme de Flaviana, mãe de Ana Flávia, na tentativa de despistar a polícia, em uma possível investigação do crime. Carina, no entanto, foi flagrada entrando de capuz na residência da família. Os depoimentos dela e de Ana Flávia foram considerados divergentes, o que aumentou a vontade da polícia em entender o que realmente teria ocorrido. 

Logo após os depoimentos, as duas foram colocadas como as principais suspeitas do caso. As presas negam participação no crime, mas um suspeito, que é primo de Carina, informou como tudo teria ocorrido. 

De acordo com ele, a decisão de matar a família foi concordada pela própria filha do casal.  Ana Flávia deixou que os pais e irmão fossem mortos, após os criminosos não encontrarem nenhum dinheiro no cofre da família. Pai e filho foram mortos asfixiados. A mãe de Ana Flávia teria sido obrigada a arrastar os corpos dos dois até um carro. 

Na sequência, ela teria sido morta e, minutos depois, o carro com três corpos foi encontrado carbonizado. Para a polícia, o crime agora já está completamente solucionado. 


Fonte:
1News

Postar um comentário

0 Comentários