Mulher morre após ser obrigada a saltar de ônibus em movimento durante assalto

Foto: Divulgação/Redes Sociais

Uma mulher, identificada como Tânia da Conceição Mota, 60, morreu e mais quatro mulheres ficaram feridas após saltarem de um ônibus em movimento durante um assalto a ônibus na Zona Norte do Rio de Janeiro. O caso ocorreu na noite desta sexta-feira (17). Ninguém foi preso.

De acordo com informações locais, Tânia estava voltando do trabalho quando tudo ocorreu. Ao ser obrigada a descer do ônibus, a vítima bateu a cabeça no meio fio e sofreu um traumatismo craniano. Ela e as outras mulheres foram encaminhas para o Hospital Salgado Filho, a idosa já chegou sem vida. Duas vítimas também sofrerem traumatismo craniano e a terceira fraturou o braço. Elas receberam alta hospitalar na manhã desta sábado (18).

Tânia trabalhava como costureira para a escola de samba Unidos da Tijuca. Em depoimento, a família da idosa informou que ela não costumava pegar ônibus. Na maioria das vezes, ela voltava de trem para casa.

Postar um comentário

0 Comentários