FedEx vê possível aliança com os Correios




O presidente do FedEx na América Latina, Juan Cento, afirmou que possivelmente sua empresa poderá fazer uma oferta pelos Correios, empresa estatal brasileira de postagem, uma vez que esta encontra-se nos planos de privatização do Governo Federal.

O executivo disse em entrevista que há oportunidades de ganhos trabalhando com os Correios, afirmou ainda que esta observando de perto as situações para saber o que fazer quando surgir oportunidades. Seu foco inicial no Brasil é o mercado de grande expansão o e-commerce, pois segundo ele “Os clientes estão em busca de alguém que ofereça esse serviço de conexão do país com horário de entrega agendado”.
Em 2018 a FedEx comprou a concorrente TNT Express , o que fez a empresa crescer. A total integração da TNT a sua marca deve acontecer até o meio de 2020. “Concluir essa mudança vai nos ajudar a fortalecer nossa marca”, afirma Luiz Roberto Vasconcelos, vice-presidente de operações da FedEx Express.

A empresa está concluindo ainda a expansão de seu armazém localizado no aeroporto de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. Investimento que deve dobrar a capacidade de seu armazém, o que passará de 4,5 mil m² para 10 mil m². Além disso, novos equipamentos foram incluídos no local, com sistemas modernos de pesagem.

Fonte: sunoresearch.com.br/noticias

Postar um comentário

0 Comentários