Polícia viaja 4 horas de barco para prender jovem suspeito de estuprar idosa de 66 anos


Um homem de 21 anos foi preso na manhã de terça-feira (3), na zona rural de Porto Walter, no interior do Acre, suspeito de estuprar uma idosa de 66 anos. O crime ocorreu no domingo (1º), e a polícia chegou no local na segunda-feira (2), após 4h de viagem de barco pelo Rio Juruá.

De acordo com informações da polícia, o homem teria feito ameaças de morte a um filho da idosa que, ao interceder, foi ameaçada com uma espingarda e levada pelo suspeito para a margem de um igarapé próximo, local onde teria estuprado a mulher.

Devido à distância, a polícia só conseguiu efetuar a prisão do homem na manhã de terça (3). A ação foi realizada em conjunto entre as Polícias Civil e Militar que enviaram quatro homens para capturar o suspeito.

"Foi feito o flagrante só que, por precaução, também foi representada pela prisão preventiva. Porque, eventualmente, se o Judiciário entender que o flagrante tem vício, então, ele se manifestará a cerca da prisão preventiva que nós pedimos", informou o delegado José Obetânio.

Ainda seguindo o delegado, o homem morava próximo à casa da vítima e foi preso na casa de um tio.

"O indivíduo confessou. A mulher tem 66 anos, ele usou a arma, estuprou e ficou lá [na vizinhança]. Não tinha para onde ir. A polícia foi lá e prendeu", acrescentou Obetânio.


Ainda segundo informações da polícia, o homem deve ser conduzido à Delegacia de Cruzeiro do Sul.



Fonte:

Postar um comentário

0 Comentários