LEM-BA: Ameaças de uma chacina em colégio deixa alunos em pânico após bombas serem jogadas


Na manhã dessa quinta-feira (18) alunos e professores viveram momentos de pavor após bombas jogadas no horário de aula e após o intervalo, deixando alunos e professores em pânico, onde professor precisaram ser levados para a Unidade de Pronto Atendimento-UPA.


Numa entrevista a diretora da escola Onero Costa da Rosa, Cintia Dourado, falou sobre escritas ameaçadoras deixadas no quadro da escola e as bombas que foram jogadas na manhã de quinta-feira (18) em Luís Eduardo Magalhães.

Ouça a entrevista que a diretora da escola concedeu ao Blog Cerrado em foco falando um pouco em relação ao ocorrido.

Postar um comentário

1 Comentários