TSE autoriza investigação de caixa 2 de Jaques Wagner

Foto: O Antagonista

O ministro Tarcísio Vieira de Carvalho, do TSE, acolheu um recurso apresentado pelo Ministério Público Eleitoral em que era pedido o prosseguimento da ação para a apuração de supostos crimes eleitorais cometidos por Jaques Wagner, ex-governador da Bahia e hoje senador pelo PT.

Ao acolher o pedido, o ministro determinou que o caso seja remetido à Justiça Eleitoral de primeira instância, para que sejam adotadas as providências necessárias.

As irregularidades teriam sido praticadas durante as campanhas eleitorais de Wagner em 2006 e 2010 — ambas para o governo baiano.

A investigação é resultado de colaborações premiadas homologadas pelo STF no âmbito da Lava Jato. Segundo os delatores, as duas campanhas do petista teriam sido favorecidas por doações da Odebrecht, inclusive por meio de caixa 2.



Fonte:

Postar um comentário

0 Comentários