Casal que agrediu menino de 6 anos no DF não vai responder a ação penal

Foto: Reprodução G1

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal acolheu acordos feitos entre o Ministério Público do Distrito Federal e o casal Danielle Cavalcanti dos Santos e Alexandre Campos de Jesus. O casal, que em dezembro do ano passado agrediu uma criança de seis anos em um condomínio na Octogonal, em Brasília, terá que fazer doações para instituições de caridade como penalidade.

A decisão, tomada nesta terça-feira (14), prevê que cada um irá doar R$ 5 mil a uma organização sem fins lucrativos e cumprir determinações da Justiça (veja abaixo). Mas nenhum dos dois vai responder a ação penal pelo caso.



Por: G1

Postar um comentário

0 Comentários