Deputado sugere título de cidadão baiano a João Pedro Stédile, fundador do MST


O deputado estadual Jacó (PT) propôs a entrega do título de cidadão baiano a João Pedro Stédile, líder nacional e um dos fundadores do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

Na justificativa do projeto apresentado na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), o deputado ressalta que a concessão do título é “fundamental” no “momento atual, onde a criminalização dos movimentos sociais virou pauta no Congresso Nacional”.

“Conceder a honraria a um membro da Direção Nacional do Movimento é homenagear esta organização e a sua luta histórica, é reafirmar a necessidade da existência desses lutadores do povo”, elaborou Jacó.

De acordo com o texto, João Pedro Agustini Stédile, nasceu em Lagoa Vermelha, Rio Grande do Sul, em 25 de dezembro de 1953, é economista, escritor e fundador do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, no Brasil. É graduado em Economia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, e pós-graduado pela Universidade Autônoma do México. 



Por: Bahia Notícias

Postar um comentário

0 Comentários