CUT vai procurar o governo Bolsonaro para negociar interesses

Atualizado 18/12/2018 ás 10:45h
Vagner Freitas - Presidente da CUT - Reprodução TV Globo

Em 14 de novembro último, disse Vagner Freitas, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT): “Todos sabem que Lula seria eleito em primeiro turno, por isso está preso. Logo, que fique muito claro que nós não reconhecemos o senhor Bolsonaro como presidente da República”.

Em entrevista publicada, ontem, pelo jornal espanhol El País, o mesmo Freitas disse: “O governo [Bolsonaro] foi eleito por 57 milhões de pessoas e vai tomar posse no dia 1º janeiro. A CUT vai procurar o governo para negociar os interesses dos trabalhadores”.

Mudou Bolsonaro ou mudou Freitas? 
Freitas mudou.

Fonte: Veja

Postar um comentário

0 Comentários